quarta-feira, 13 de maio de 2009

Li


Eu sei ler, ela não.

Eu fui atleta, corro, jogo bola. Ela não consegue.

Eu me formei, trabalho e viajo. Ela diz que sou o orgulho da vida dela.

Eu quero dinheiro, carro, casa...

Ela quer me ver no meu trabalho, conhecer meus amigos, estar com os pais, irmãos e sobrinha. E no fim dizer "EU ADOREI".


Ela é capaz de ficar doente se o irmão casa... talvez prevendo que as coisas não iriam dar certo.

Ela tem coragem de tratar dos dentes sem anestesia, tomar injeção rindo, e quando a vida dela faz algo improvável... ela surpreende.

Chora sozinha pra não assustar quem ela ama.

Até sente vergonha de ter que andar com algo que não faz parte dela, mas levanta a cabeça e diz que vai ficar boa.


Essa é minha irmã. Quarenta quilos, portadora de nescessidades especiais, dificuldades motoras, e agora anda com uma sonda ligada a bexiga.


Eu não tenho nada. Ela me ama!!!

Ela tem o maior coração do mundo, e eu a amo.

6 comentários:

Jéssica Nayara disse...

Linda declaração de amor!

Sandra disse...

Tô aqui, emocionada, sem saber o que comentar, depois de ler a declaração de amor mais linda do mundo. Na verdade, eu queria ter essa força que a Li tem.
Seu coração tambem é enorme, Alê, e talvez essa grandeza seja coisa de família. bjs

Sandra disse...

Que vergonha, Alê! A Li toma injeção rindo, e vc, um homem desse tamanho e com lindos olhos castanhos, desmaia só de pensar em doar sangue, apesar de achar um ato nobre. bjs

Helô Guesser disse...

lindo amigo!
a declaração emociona!
tdo de bom a vcs dois! o amor é contagiante!
beijo, helô!

Cristina e Felipe disse...

Pessoas especiais só acontecem pra pessoas especiais!

mas tipo assim..... kd vc??

o blog ta parado, volta vai....

Sandra disse...

Cris, o blog tá parado pq ele tava de férias, mas já voltou pro batente.......quem sabe, agora vai.
dia 15, no poli, treino de vôlei....ñ esqueça. vamos dar as boas vindas aos novos jogadores. bjs.
E você Alê, deve ter um monte de histórias prá contar, então coloque no blog, meu lindo. bjs