quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Catarsear

Dei um google: catarse

Catarse é a purificação das almas por meio da descarga emocional provocada por um drama. Este é um conceito teorizado por Aristóteles.
Segundo o filósofo, para suscitar a catarse era preciso que o herói passasse da dita para a desdita, ou seja, da graça para a desgraça. E mais ainda: não pode ser por acaso, e sim por uma desmedida, ou seja, por uma ação ou escolha mal feita do herói.
Ainda segundo o filósofo grego, se um homem bom passa da má para a boa fortuna, nós não sentiremos terror; se um homem bom passa da boa para a má fortuna, nós ficamos com pena, e não sentimos compaixão nem terror; se um homem mau passar da boa para a má fortuna, nós ficamos felizes da vida; e se um homem mau passar da má para a boa fortuna, nós sentimos repugnância.
Ou seja, é preciso que o herói trágico passe da FELICIDADE para a INFELICIDADE por alguma desmedida sua para atingir a catarse. Por exemplo? Édipo Rei, que começa a história como rei de Tebas e no fim se cega e se exila. Ou, uma história mais próxima de todos, Romeu e Julieta, numa releitura que Shakespeare faz da tragédia, onde os dois eram filhos de importante gente da cidade e acabam mortos pela desmedida do amor.

no dicionário:
catarse - 1 Purgação. 2 Purificação. 3 Psicol e Med Método de purificação mental que consiste em revocar à consciência os estados afetivos recalcados, para aliviar o doente dos desarranjos físicos e mentais oriundos do recalcamento.

Pra mim... colocar os bichos pra fora com algo que te dá prazer pra revigorar o ânimo perdido. Tipo, pular na poça d´água gritando até a raiva passar. Socar um saco de areia até a cara do patrão desfigurar... da sua mente. Correr, correr, correr até os pensamentos clarearem.
Cartasear... faz bem para alma.
Mas por favor, sem tragédias.

8 comentários:

Sandice disse...

Que coincidência...mandei um email p/vc hoje, dizendo que ontem tomei banho de chuva e pulei na poça d'agua. Foi muito bom, mas ñ estava com raiva, foi só a chuva que me pegou no caminho e resolvi ser criança outra vez. bjs

Anônimo disse...

Não achei tantas poças pra pular e nem maneiras suficientemente boas para solucionar a repugnância pelo patrão, então, para "catarsear" resolvi mudar de cidade.
Ótimo, medidas tomadas, tudo pronto.
Promete que não me esquece?
E...quando lembrar, me conta a sua maneira de catarsear?

beijos Alê.

July Stanzioni disse...

To precisando "Catarsear", Alê...
Dizem que dezembro é um mês em que você repensa todo o ano, projeta o próximo que virá...

Uau, 2008 pra mim teve mais pontos negativos do que positivo... as vezes é assim, não dá pra ser feliz sempre...

O duro é quando vc vê que coisas de 2007 ainda ficaram para ser resolvidas...

Tô pensando um jeito de CATARSEAR...

Beijos

alguém disse...

Um longo abraço é uma boa técnica. Não resolve, mas dá um alívio...

Marco Aurélio Souza disse...

Fala irmão!
"Sem tragédias" e como pedir para que o ato de Catarsear não seja pleno. Às vezes, a tragédia é inevitável, é parte do sagrado e terapêutico ato de Catarsear...

Abraço.

Julyane disse...

Concordo com o Marco... tragédia faz parte da coisa...

Se não, o que seria de Tristão e Isolda, Romeu e Julieta?

Guel Arraes no filme Romance já diz: o amor para ser completo tem que fazer sofrer....rsrs

Baci

Maires disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria disse...

Parabéns!
Você escolheu um bom caminho para mandar a dor embora.
Entendendo o conceito passamos a auto ajuda.
A tragédia é a figura representada para o entendimento do conceito. Você sabe muito bem por experiência própria o que são acontecimentos difíceis em sua vida.
Aristóteles nos mostra que é através da "tragédia" que nos fortalecemos e nos tornamos seres humanos melhores e mais éticos.
Desejo do fundo de meu coração que você seja muito feliz.